Como funciona programa Minha Casa Minha Vida – Guia Completo

minha casa minha vida

Este guia completo vai te ajudar a entender como funciona programa Minha Casa Minha Vida.  Nele você vai ver todos os requisitos, as vantagens, como contratar e mais itens importantes sobre o programa.

Essa iniciativa foi do Governo Federal em parceiras com empresas, entidades sem fins lucrativos e prefeituras municipais. Seu objetivo é viabilizar a compra da casa própria por pessoas de baixa renda.

Desde o início, a grande procura pelos interessados superaram as expectativas. Isso porque mais de 7 milhões de brasileiros já foram beneficiados pelo programa de alguma forma..

Pelo Minha Casa Minha Vida é possível adquirir a casa própria, sair do aluguel, ter dignidade e conforto na moradia. Até porque o programa tem outras vertentes como o financiamento na zona rural e cartão de crédito para compra de móveis.

Nesta leitura você vai descobrir o guia completo de como funciona programa Minha Casa Minha Vida. Mais acima de tudo, como esse programa pode mudar a sua vida!

Guia Completo Minha Casa Minha Vida: para quem foi feito e como funciona?

Em 2017, durante governo do Temer, algumas mudanças aconteceram no programa. Uma delas foi a inclusão de uma nova faixa de renda, que permitiu ampliar o público atendido.

O modo como Minha Casa Minha Vida funciona significa é uma verdadeira transformação na vida de muitas pessoas. Sair do aluguel, por exemplo, é uma das novas possibilidades que sua família pode ter, além de mais qualidade de vida.

Para se ter uma ideia ele foi criado em 2009, desde lá o programa oferece vantagens e facilidades para brasileiros cujas rendas não lhes permitem fazer investimentos imobiliários.

É essas vantagens que vamos ver agora:

  • Menores taxas de juros que se adequam com a renda da família.
  • Financiamentos de moradias em áreas urbanas e rurais.
  • Canais de atendimento exclusivo para assuntos relacionados ao programa.
  • Programa Caixa Economica de Olho na Qualidade que esclarece dúvidas e é usado resolver de problemas. O telefone é o 0800 721 6268.

Você também pode clicar aqui e acessar mais informações do programa, como os direitos e deveres do contratante.

Como participar do programa Minha Casa Minha Vida?

como funciona minha casa minha vida
O Programa Minha Casa Minha Vida já atendeu mais de 4,7 milhões de famílias

Você sabe que nem todo mundo tem as mesmas condições, não é? Alguns pode dar uma entrada, outros podem pagar parcelas mais altas e alguns tem um FGTS mais alto.

Por isso que o governo criou um sistema bem simples para mapear esses perfis: as faixas de renda. Essa divisão ajuda a entender o perfil de cada família e a melhor forma de financiamento.

Como expliquei o mais importante para essa divisão de faixas é renda familiar. Com ela é possível dividir a população em 4 grupos que ajuda no modo como o Minha Casa Minha Vida funciona.

Você vai entender agora as característica de cada faixa e ver em qual se encaixa:

  • Faixa 1: famílias com renda bruta de no máximo R$ 1.800,00.

Para esse grupo as mensalidades podem ser parceladas em 120 vezes e as prestações são definidas de R$ 80,00 a R$ 270,00. O próprio imóvel financiado é usado como garantia.

  • Faixa 1,5: essa faixa agrupa famílias com renda bruta de até R$2.600,00 mensais.

Nesse perfil as taxas de juros são de 5% ao ano. O prazo para pagamento pode chegar a 30 anos e o valor do subsídio é de até R$ 47.500,00.

  • Faixa 2: Esta faixa reúne as famílias com renda mensal máxima de até R$ 4.000,00.

Além disso, para elas o valor do subsídio é de no máximo R$ 29.000,00.

Faixa 3 : Compreende as famílias com renda mensal bruta de no máximo R$ 7.000,00.

Neste caso, o Minha Casa Minha Vida reserva taxas de juros diferenciadas.

Como contratar o programa Minha Casa Minha Vida?

Para fazer a contratação do programa é necessário se atentar para algumas regras básicas. Dentre elas, as que impactam na aprovação do contratos são as seguintes:

  • A porcentagem de comprometimento da renda familiar é de no máximo 30%.
  • O valor da renda bruta da família pode ser de no máximo R$ 7.000,00 mensais.
  • O uso do imóvel pretendido deve ser unicamente para fins residenciais.
  • Estar em dia com suas obrigações eleitorais, ter CPF ativo e apresentar seus documentos de identificação oficiais.

Tenha certeza de que está cumprindo as regras acima. Caso contrário é possível ter seu cadastro invalidade.

Você já sabe quais são os passos para a contratação do financiamento? Eu separei eles para você:

1 – Cadastro

O interessado em fazer o cadastro, com renda bruta mensal de no máximo R$ 1800,00, deverá se dirigir a prefeitura municipal de sua cidade. Lá ele também verifica as datas para a inscrição ao programa.

É possível realizar o cadastro em alguma entidade organizadora credenciada. Neste caso, o processo e a documentação solicitada vai ser a mesma.

Já as famílias com renda superior a R$ 7.000,00 podem fazer a sua inscrição com uma entidade organizadora ou se preferir pode solicitar diretamente em uma agencia da Caixa Econômica de sua escolha.

2 – Avaliação do cadastro e checagem dos dados

Após se cadastrar, o banco fará uma análise completa do perfil da família. Serão checados a veracidade de todos os documentos e informações prestadas.

3 – Assinatura do contrato

Depois da aprovação do cadastro, o banco oferecerá as melhores condições contratuais, para então ir para etapa final. Ela consiste na assinatura do contrato de financiamento.

Pronto! Você já terá em mãos a chave do seu imóvel.

Guia Completo Minha Casa Minha Vida

A chave da casa pópria
O último passo é pegar a chave da casa própria

A Caixa Econômica possui vários canais de atendimento para seus clientes. Todas as informações que apresentei neste guia completo como funciona Minha Casa Minha Vida podem ser também consultadas no site da Caixa Econômica Federal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para o topo